Via-Sacra: O Caminho da Luz NO159444

Via-Sacra: O Caminho da Luz

Ref.: NO159444 Compra Segura

Aldy Carvalho, João Gomes de Sá e Regina Drozina reescrevem e recriam uma das mais icônicas cenas acerca da vida de Jesus. E fazem-no de maneira a recompor o seu sentido originário, traduzindo, na forma e no conteúdo, tanto a história da fé e da igreja, quanto o simbolismo mais profundo desse caminho, isto é, de que a verdadeira Via-Sacra ocorre no interior de cada um, na simplicidade dos gestos e das ações que nos tornam divinamente humanos.

R$ 29,90

Escolha uma opção

Produto indisponível
Autor: Aldy Carvalho, João Gomes de SáAno de Edição: 2019Nº de paginas: 48
Tradutor: - Ano: 2019Peso: 0,187
Adaptação: -ISBN: 978-85-7492-477-9Comprimento: 23
Ilustrador: Regina DrozinaEdição: 1ºAltura: 16
Idioma: Português Coleção: -Espessura/Lombada: 0,5
Editor: Rosa Maria ZuccheratoVolume: -Encadernação: Brochura


Biografia do AutorJoão Gomes de Sá nasceu em Água Branca, no sertão alagoano, no dia 9 de maio de 1954, e mora em São Paulo. É formado em Letras (Português-Inglês) pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL). Em 1977, trabalhou como bolsista da Funarte no Museu de Antropologia e Folclore Dr. Théo Brandão, quando conheceu as manifestações de cultura espontânea de seu povo. É por isso que, volta e meia, o que escreve revela influência do folclore da região. Morando em São Paulo há algum tempo, além de suas atividades como professor de Português, dá orientações técnicas sobre o folclore. Utilizando elementos da cultura popular escreveu e editou Ressurreição do boi, Canto guerreiro e Meu bem-querer e os cordéis A Briga de Zé Valente com a Leide Catapora, A luta de um cavaleiro contra o Bruxo Feiticeiro e Alice no País das Maravilhas em cordel.


Aldy Carvalho é poeta, cantador, escritor, contista, compositor e violonista pernambucano de Petrolina. “Meu trabalho de compositor, cantador é povoado de xotes, baiões, toadas, martelos, emboladas, modinhas, sagas e fábulas. Um ajuntado de cantigas e imagens, o lirismo do Sertão, das léguas que andei”. Em sua discografia encontramos Redemoinho (Lp1984 e CD2000), Alforje (2011), Cantos d’Algibeira (2014), SerTão Andante (2018), além da música original para o filme/documentário Memórias da boca (São Paulo, 2015). Fez participação especial no CD Espelho d’água, obra do cantador Décio Marques e nos CD’s da série Festivais do Brasil, v. 05 e 06, de 2009 e 2010. Publicou, pela Editora Luzeiro, os cordéis: A Ganância de um Preguiçoso, A História das Copas do Mundo em Cordel (publicação coletiva), No Reino dos Imbuzeiros premiado em concurso nacional do MinC e pela Editora Multifoco em 2018 – e o livro de contos Memórias de Alforje: 5 Contos do Cantador. Seu poema/música Giralume foi inserido na obra Língua Portuguesa, Geografia e História, 4o Ano, Global Editora, 2016. Recebeu Menção Honrosa no 21o Concurso de Contos Paulo Leminski (2010) com o conto José e Chico: os dois vaqueiros e no 25o Concurso de Contos Paulo Leminski (2014) com o conto A Peleja (Memórias de Alforje).


Regina Drozina é de Formosa D’Oeste, Paraná. Reside em São Paulo/SP há 40 anos. Xilogravurista, também confecciona bonecos e esculturas em madeira e outros materiais. Ministra oficinas de xilogravura. Participou de várias exposições, ilustrou folhetos de cordel, catálogos, livros e CD’s, a exemplo do CD Cantos d’algibeira e do livro de contos Memórias de Alforje: 5 Contos do Cantador, ambos do poeta e cantador Aldy Carvalho. Tem suas obras no Museu de Artes de Londrina, PR, na Casa da Xilogravura de Campos do Jordão, SP, no Centro Cultural de Guararema, SP, e em acervos particulares. E-mail: reginadrozina@bol.com.br.

Brochura

Aproveite Também